Role o Scroll

Trio Parada Dura

Quem nunca se pegou cantarolando os versos de “As Andorinhas” e “Telefone Mudo”? Você pode não associar as músicas ao título, mas é fato que “as andorinhas voltaram e eu também voltei...” e “eu quero que risque o meu nome da sua agenda, esqueça o meu telefone, não me ligue mais...” fazem parte da trilha sonora da nova geração que curte sertanejo, tanto quanto dos antigos admiradores. Os donos desses clássicos são mais que referência para toda uma safra de artistas que têm perpetuado o gênero. Estamos falando, claro, do Trio Parada Dura, que faz parte do cenário sertanejo nacional desde 1973, recebendo, ao longo de sua carreira, dez discos de ouro, três de platina e um de diamante. O Trio construiu sua personalidade sobre uma base que conta com letras irreverentes, músicas de enorme apelo popular e um nível de produção surpreendente que marcaram a carreira desses grandes artistas. Uma aceitação extremamente positiva do público, construindo assim, de forma definitiva, a identidade do grupo. Músicas como “As Andorinhas”, “Telefone Mudo” e “Blusa Vermelha” caíram no gosto popular e fizeram com que o grupo alcançasse ótimas vendagens. Ao longo dos anos, o Trio Parada Dura passou por algumas reformulações, mas sempre manteve suas raízes centradas na boa e velha música sertaneja. Atualmente, Creone, o mais velho integrante com a segunda voz mais conhecida do Brasil, canta com o Parrerito, irmão do falecido Barrerito e os dois dividem o palco com o sanfoneiro mais “xonado” do Brasil que é o Carlos Resende. Com essa formação atual, - Creone, Parrerito e Xonadão - são sete CDs e dois DVDs. No penúltimo DVD, que na verdade é um Box intitulado “Nossa Estrada”, já com distribuição nacional pela Som Livre, o Trio conquistou mais uma vez um disco de platina e um DVD de ouro, ficando durante um bom tempo no ranking dos mais vendidos da gravadora. Em Março de 2017 o Trio lançou seu último DVD intitulado de "Chalana, Churrasco e Viola", nada mais original e sertanejo quanto o cenário escolhido para o terceiro registro em vídeo do Trio Parada Dura. O charme bucólico da chalana é o encaixe perfeito para o som inconfundível do trio que há quatro décadas serve de referência para a música sertaneja.

A bordo da embarcação cruzando o belíssimo lago de Furnas, em Capitólio (MG), Creone, Parrerito e Xonadão relembraram clássicos como “Bobeou a Gente Pimba”, “Biquíni Bordô” e “Passe Livre”, mas também trazem para o repertório faixas inéditas, mostrando a preocupação e dedicação dos veteranos em presentear o público com novos sucessos.

Para ressaltar essa evolução musical constante em que o Trio Parada Dura consagra a carreira ano a ano, um dos grandes destaques de “Chalana, Churrasco & Viola” são as participações de Marília Mendonça, Eduardo Costa e Zé Neto & Cristiano, importantes nomes do sertanejo atual que abrilhantam esse novo trabalho e mostram que Trio Parada Dura passeia com toda honra e reverência entre os veteranos e os ídolos da atual geração.
"Aceita Que Dói Menos" foi a música de trabalho escolhida pelo trio e conta com a participação da rainha da sofrência Marília Mendonça e já contabiliza mais de 124 milhões de visualizações em seu canal oficial.

// VÍDEOS

// AGENDA

17Ago

Ouro Preto do Oeste/RO

20Ago

Barretos/SP

20Ago

Franca/SP

31Ago

Dores do Turvo/MG